A segurança cibernética, ou segurança de computação, é um termo abrangente para qualquer estratégia usada para proteger sistemas contra ataques maliciosos, cujos objetivos são roubar dinheiro, informações pessoais, recursos de sistemas (cryptojacking, botnets) e outras coisas ruins.

Os ataque podem ocorrer no seu hardware (computadores, celulares, notebooks dentre outros) ou software (“aplicativo” ou “programa”), ou através de engenharia social.

As ameaças de segurança cibernética e suas medidas preventivas são inúmeras, mas o mercado sempre opta pela simplicidade quando vai se comunicar com seus clientes.

É por isso que muitas pessoas ainda acham que o “vírus” é a maior ameaça aos seus computadores. Quando, na verdade, o vírus é apenas um dos tipos de ameaças cibernéticas que se popularizou quando a computação ainda dava seus primeiros passos. Embora nem o vírus seja mais a ameaça mais comum hoje em dia, o nome ficou. É igual chamar qualquer doença de resfriado.

Ajude outras pessoas compartilhando nosso conteúdo